A era das videoconferências

Com a presença da rede em quase todos os locais, redução de custos com banda larga e dispositivos

Leia mais


Com a presença da rede em quase todos os locais, redução de custos com banda larga e dispositivos mais acessíveis, praticamente não há mais impeditivos para participar de uma reunião de trabalho a distância. A mobilidade possibilitada pelas redes e tecnologias presentes em tablets, notebooks e smartphones tornaram a comunicação por videoconferência mais atrativa, resultando em economia de tempo e dinheiro.

Antigamente era um serviço que demandava infraestrutura pesada, equipamentos caros e a necessidade de um ambiente dedicado para uma boa transmissão. Hoje em dia as mais recentes tecnologias de videoconferência operam em nuvem e são tão completas que permitem reunir  vários participantes usando diversas plataformas. Podem envolver membros que estejam usando Skype ou conectados via browser webRTC, diretamente de seu navegador de internet, ou que estejam em campo e precisam ser conectados a partir de seus dispositivos móveis, Android ou iOS.

A opção da videoconferência, por essas razões, não é mais um recurso de grandes empresas, com salas e equipamentos específicos que permitiam a ligação entre as pessoas em um ou demais locais, mas torna-se uma realidade até mesmo para pequenas e médias empresas. Trata-se de uma disruptura no mercado de colaboração por vídeo, na medida em que permite o acesso perfeito de qualquer dispositivo, usando qualquer sistema.

Estudos realizados sobre o uso da videoconferência demonstraram que o tempo médio de atenção dos participantes aumenta em cerca de 35% para chamadas utilizando vídeo e 23% em chamadas utilizando apenas áudio. A mudança da força de trabalho para ambientes de escritório não convencionais, por meio das comunicações de vídeo, oferecem aos funcionários uma maneira de interagir com clientes e colegas de qualquer lugar usando os dispositivos móveis que já possuem como pontos de acesso de conferência. As empresas que participaram das pesquisas sobre o tema revelaram, em sua maioria (cerca de 94%), que a utilização da comunicação de vídeo aumenta a produtividade.

Mais do que uma solução em momentos de crise, as tecnologias de videoconferência resultam no aumento da colaboração com todos os agentes dos seus negócios, internos ou externos, valendo muito a pena o investimento neste tipo de comunicação.

Sua empresa já utiliza esse recurso? Já coordenou uma videoconferência? Comente sobre sua experiência conosco.

Fontes: Canal Comstor – O blog dos negócios de TI. –Revista PEGN – it Forum

Deixe seu comentário